sábado, agosto 27, 2016

Ideia central


Descobri que posso ter várias paixões. Várias ao mesmo tempo. Que posso me relacionar com elas, viver com elas. Posso respirar minhas paixões e vivê-las intensamente, sem medo de regras ou imposições. Posso me preencher com minhas inspirações, amar meus musos, minhas musas, sem o peso da culpa. Posso sonhar acordada e nunca parar de trabalhar. Nunca deixar de produzir. Nunca deixar de escrever. E principalmente, nunca morrer de solidão. Eu nunca mais vou estar sozinha. O que uma pura e genuína ideia é capaz de fazer que não no mínimo mover todo o meu mundo.